Autor abcd

porabcd

Anvisa proíbe a venda de medicamentos contra dependência química

Anvisa proíbe a venda de medicamentos contra dependência química

A Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) determinou a suspensão de diversos produtos contra dependência química. Quelanol, Spartequim, Renovy, Complexo EFX Blocker e Becalm são medicamentos que prometem combater os efeitos do álcool no organismo, controlar o desejo do consumo de substâncias psicoativas e bloquear o efeito de drogas como cocaína e crack. Ler mais

porabcd

Kits importados para antidoping são isentos de fiscalização, decide Anvisa

Kits importados para antidoping são isentos de fiscalização, decide Anvisa

Kits importados para antidoping
A Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) determina que os kits de coleta destinados a exames antidoping esportivos fiquem livres de fiscalização quando forem importados por laboratórios e entidades reconhecidos pela Autoridade Brasileira de Controle de Dopagem (ABCD). A decisão foi publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira (7).
Quando houver, porém, alguma situação epidemiológica internacional, a Anvisa poderá proibir a importação ou a entrada dos kits em caráter emergencial ou temporário.

Em uma situação normal, porém, o importador deve protocolar, no local de entrada dos kits no país, o pedido de liberação sanitária – o que deve ocorrer em 24 horas. Por causa de sua finalidade, o material também fica dispensado do cadastro de produtos para diagnóstico de uso in vitro.

Ler mais

porabcd

Horário de venda de bebidas alcoólicas em Belém sofre restrição

Horário de venda de bebidas alcoólicas em Belém sofre restrição

Uma decisão judicial está provocando polêmica nas feiras e mercados de Belém. Segundo a Secretaria Municipal de Economia (Secon), a venda de bebidas alcoólicas nestes locais poderá ser feita apenas no horário de 10h às 20h.

A restrição de horário para este tipo de comércio existe desde 2001, mas somente agora a prefeitura irá intensificar a fiscalização após uma readequação dos horários em que o comércio era restrito. Nesta quinta-feira (21), o secretário municipal de economia, Marco Aurélio Nascimento, e o prefeito de Belém, Zenaldo Coutinho, estiveram no Ver-o-Peso para conversar com os feirantes sobre a situação. Ler mais

porabcd

Droga essencial contra a Aids cria resistência

Droga essencial contra a Aids cria resistência

Uma das drogas que mais marcou o tratamento contra a Aids, há 15 anos, agora enfrenta problemas para combater o HIV. Um novo estudo revela que, em parcelas significativas de pacientes da Europa e, principalmente, da África, o vírus criou resistência ao tenofovir. Segundo especialistas, o problema pode até mesmo afetar os planos da ONU de controlar a doença até 2030.

Esse antirretroviral é capaz de diminuir a carga de HIV no corpo, melhorando a qualidade de vida de soropositivos. Com quase nenhum efeito colateral, o remédio é usado na fase inicial do tratamento contra a Aids, em geral por meio do comprimido apelidado de ?3 em 1? (tenofovir, efavirenz e lamivudina), ingerido diariamente. Ler mais

porabcd

Governo oferece tratamento gratuito a dependentes químicos

Governo oferece tratamento gratuito a dependentes químicos

O talento de Leandro Bruno Carvalho para a informática sempre lhe rendeu bons empregos. Ainda jovem, montou o próprio negócio, morou em bairros nobres e teve regalias de um típico morador de classe média alta. Mas o uso de cocaína, merla e crack causou efeito devastador. Ele perdeu não só o controle para gerenciar a empresa, mas também encerrou um casamento sólido e passou a viver de pequenos furtos em supermercados para sustentar a dependência.

Após perder 25 quilos, ficar com os dentes apodrecidos e praticamente sem abrigo, decidiu aceitar ajuda, aos 32 anos. Por meio do Centro de Atendimento Psicossocial Álcool e outras Drogas (CAP-AD) do Guará, foi encaminhado para uma casa terapêutica conveniada com o governo de Brasília, em outubro de 2014. O tratamento durou nove meses. Sóbrio, ele se dedica a ensinar informática na própria casa de recuperação ? a Salve a Si, na Cidade Ocidental (GO).

 

A história de Leandro serve de inspiração para familiares de usuários de entorpecentes em busca de ajuda. O governo de Brasília oferece tratamento gratuito em cinco casas de recuperação conveniadas com capacidade total de 152 pacientes. O dependente de álcool ou outra droga pode ser encaminhado para as instituições por meio de algum dos nove CAP-AD espalhados pelo DF.

O tratamento é voluntário. Nas casas, o paciente recebe cinco refeições diárias, acompanhamento psicológico, psiquiátrico e assistência social, além da oportunidade de aprender algum ofício, como carpintaria, serralheria e informática. No ano passado, 1.678 homens e mulheres foram atendidos nessas comunidades graças ao convênio.

Redução de danos

Em 2015, o Executivo destinou R$ 1,8 milhão para a ressocialização de homens e mulheres dependentes de crack, de cocaína, de maconha, de álcool e de outros entorpecentes.

De acordo com Joana Mello, subsecretária para Políticas de Justiça e Cidadania e Prevenção ao Uso de Drogas, da Secretaria de Justiça e Cidadania, o envolvimento do poder público contribui para redução de gastos em áreas como a Saúde e a Segurança, pois haverá dispêndio menor com medicamentos e internações.

Tratar a dependência química também ajuda na diminuição de furtos e roubos, uma vez que muitos usuários passam a cometer delitos para sustentar a doença. ?Investir nas parcerias com essas comunidades terapêuticas é uma forma de reduzir danos, pois elas desenvolvem um trabalho importante de reinserção do paciente à sociedade?, destacou Joana, também presidente do Conselho de Políticas sobre Drogas do DF (Conen).

Para Henrique França ? conselheiro deliberativo da Federação Brasileira das Casas Terapêuticas e fundador da Salve a Si, na Cidade Ocidental ? mais do que inserir o dependente químico num processo de desintoxicação, é preciso fazer com que o paciente se sinta útil para trabalhar quando voltar ao convívio social: ?Por isso, temos cursos de panificação, informática, serralheria, mestre de obras, para que ele possa ter condições de transformar a vida e trabalhar com dignidade?.

Fiscalização

Desde os primeiros meses do governo, Rodrigo Rollemberg demonstrou que o tratamento a usuários de substâncias ilícitas e de álcool seria prioridade. Em fevereiro de 2015, quitou três mensalidades atrasadas deixadas pela gestão anterior.

Para melhorar a qualidade do atendimento aos dependentes químicos, a Secretaria de Justiça e Cidadania intensificou as inspeções às casas. ?É importante destacar o compromisso dos responsáveis por essas entidades, pois sempre que identificamos algum problema, eles se empenham em resolvê-los imediatamente?, afirmou Joana.

O telefone do Conen está disponível para quem quiser tirar dúvidas e receber orientações: 2104-1830 e 2104-1831.

Casas terapêuticas

Ceilândia

Renovando a Vida

Núcleo Rural Alexandre Gusmão, Gleba 3, Ceilândia (DF)

Ceilândia Norte

ABBA PAI

CNR1, Conjunto 1, Núcleo Rural Monjolinho, Ceilândia Norte (DF)

Cidade Ocidental (GO)

Salve a Si

Fazenda Lages, Estrada do Córrego Lages, Sítio Gleba nº 9, Cidade Ocidental (GO)

Planaltina (GO)

Associação Beneficente Caverna de Adulão

Núcleo Rural Córrego do Atoleiro, Chácara 11, Planaltina (GO)

Vicente Pires

Instituto Crescer, Nova Vida

Rua 10, Chácara 118, Vicente Pires (DF)

Relação dos CAP-AD

CAP-AD Rodoviária

Antigo Prédio do Touring. Setor Cultural Sul, Zona Cívico-Administrativa-

CAP-AD Guará

QE 23 Área Especial s/n, subsolo do Centro de Saúde nº 2, Guará II

CAP-AD Ceilândia

QNN 1, Conjunto A, Lotes 45/47, Avenida Leste

CAP-AD Santa Maria

QR 312, Conjunto H, Casa 12

CAP-AD Sobradinho

AR 17, Chácara 14, Sobradinho II

CAP-AD Samambaia

QS 107, Conjunto 8 Lotes 3, 4 e 5, Samambaia DF

CAP-AD Itapuã

Complexo Administrativo do Itapuã, Quadra 378, Conjunto A, Área Especial 4

CAP-AD Taguatinga

QNF Área Especial 24, Setor F, Norte

CAP-AD Brasília

Quadra 714/715 Norte, Bloco C, Lojas 1, 2 e 3, Asa Norte

Mais informações:

Conselho de Políticas sobre Drogas do DF (Conen): (61) 2104-1830 e 2104-1831

Fonte: Agência Brasília

porabcd

Combate à dependência química tem esperança renovada

Visto que a ibogaína permite o recuperar lembranças, essas informações precisam ser trabalhadas em psicoterapias, caso contrário, o cliente terá relembrado momentos dolorosos de sua vida e não terá tido suporte terapêutico para ressignificá-lo.

Um estudo publicado pela Associação Britânica de Psicofarmacologia, através da SAGE, editora líder de conteúdos inovadores, analisou o tratamento da dependência química com o auxílio da Ibogaína. A substância, que é extraída da casca da raiz do arbusto Tabernanthe Iboga, é usada tradicionalmente em rituais xamânicos e religiosos na África Central e a partir da década de 60 despertou a atenção de pesquisadores ao se mostrar eficiente contra surtos de abstinência de entorpecentes. Ler mais

porabcd

Abordagem multidisciplinar para reabilitação de dependentes químicos

Abordagem multidisciplinar para reabilitação de dependentes químicos

Desintoxicar o dependente químico é apenas parte do tratamento. Além de depender da vontade do paciente, o uso de medicamentos, isolado, pouco consegue ajudar uma pessoa completamente desorganizada, desde seus cuidados básicos de higiene até suas relações sociais e laços afetivos.

Daí o consenso de que é necessária uma abordagem multidisciplinar para que o tratamento seja eficaz. Desintoxicação, psicoterapia, terapia ocupacional e assistência social são apenas partes do tratamento. E há ainda quem defenda um componente religioso nessa recuperação do indivíduo. Porém, em regra, essa abordagem multidisciplinar ainda está completamente desarticulada no Brasil.

Ler mais

porabcd

Esteroides Anabolizantes

Os esteroides androgênicos anabólicos (EAA ou AAS – do inglês anabolic androgenic steroids), também conhecidos simplesmente como anabolizantes, são uma classe de hormônios esteroides naturais e sintéticos que promovem o crescimento celular e a sua divisão, resultando no desenvolvimento de diversos tipos de tecidos, especialmente o muscular e ósseo. São substâncias geralmente derivadas do hormônio sexual masculino, a testosterona, e podem ser administradas principalmente por via oral ou injetável. Atualmente não são utilizados somente por atletas profissionais, mas também por pessoas que desejam uma melhor aparência estética, inclusive adolescentes. Os diferentes esteroides androgênicos anabólicos têm combinações variadas de propriedades androgênicas e anabólicas. Anabolismo é o processo metabólico que constrói moléculas maiores a partir de outras menores. Ler mais

porabcd

Maconha

Cannabis , também conhecida por vários nomes populares, refere-se a várias drogas psicoativas e medicamentos derivados de plantas do gênero Cannabis. Farmacologicamente, o principal constituinte psicoativo desse tipo de planta é o tetrahidrocanabinol (THC), um dos 400 compostos da planta, incluindo outros canabinoides, como o canabidiol (CBD), canabinol (CBN) e tetrahidrocanabivarin (THCV).

Ler mais

porabcd

Clínica Ágape ABCD

Clínica de Recuperação Ágape

Clínica de Recuperação ÁgapeA Clínica de recuperação Agapé foi iniciado em 2011, hoje oferece ajuda a aqueles que sofrem como um dia ele também já sofreu. Atuando em várias comunidades ao longo dos anos, iniciou seu projeto de recuperação para dependentes químicos, contando com a ajuda de vários amigos, familiares e profissionais que conquistou nessa caminhada… Hoje realiza o sonho de quem no passado já não sonhava mais!

É com muito respeito que os recebemos e agradecemos pela confiança de nos proporcionar a oportunidade de participar do processo de recuperação de seu ente querido.

O objetivo deste pequeno material é de poder apresentar aos Srs. nossa Clínica de recuperação Ágape e todo o processo de nosso trabalho que conta com profissionais especializados em Dependência Química.

Nossa clínica desenvolve seu trabalho, baseado em orientações profissionais e com métodos atuais de recuperação na área de dependência química (álcool e droga).

Ler mais